Postagens

Mostrando postagens de Março, 2018

Mia Couto - O Bebedor de Horizontes

Imagem
Mia Couto - O Bebedor de Horizontes (terceiro volume da trilogia "As Areias do Imperador") - Editora Companhia das Letras - 328 Páginas - Lançamento no Brasil: 16/03/2018 (Leia aqui um trecho disponibilizado pela Editora).

Recomenda-se ler as resenhas referentes ao primeiro e segundo volumes da trilogia: "Mulheres de Cinzas" e "Sombras da Água", para melhor entendimento da obra.

Este é o último volume da trilogia histórica sobre a queda do Estado de Gaza no final do século XIX, região conhecida hoje como Moçambique e de seu imperador Ngunguyane ou Gungunhana, como era chamado pelos portugueses na época. Assim como os dois primeiros volumes da série, este também é um romance histórico diferente, utilizando-se de pessoas e fatos reais, Mia Couto escreve com a sua forte veia poética e o auxílio da riqueza das lendas do folclore local, para resgatar um pouco da dignidade do povo africano, explorado por um processo brutal de colonização predatória imposto pelas …

A. B. Yehoshua - Shiva

Imagem
A. B. Yehoshua - Shiva - Editora Companhia das Letras - 536 Páginas - Tradução direta do hebraico de George Schlesinger - Lançamento no Brasil: 08/12/2000.
Abraham B. Yehoshua representa, juntamente com Amós Oz e David Grossman, a fina flor da literatura contemporânea israelense. Os três autores são conhecidos por suas posturas políticas liberais, assim como sendo fervorosos ativistas por uma solução pacífica para o conflito entre Israel e os territórios palestinos ocupados desde 1967. De qualquer forma, neste quinto romance de Yehoshua, lançado originalmente em 1996, a política no Oriente Médio é um tema ausente. O escritor aborda questoes mais humanistas e ambiciosas do ponto de vista literário, utilizando-se para isso de temas como o amor, morte e até mesmo transmigração de almas. É preciso, no entanto, alertar o leitor de que a a abordagem aqui pode não ser exatamente o que se espera de um romance ambientado na Índia, embora conte sim com ricas descrições da cultura e religiões loc…

Lourenço Dutra - A Guerra dos Gêneros

Imagem
Lourenço Dutra - A Guerra dos Gêneros - 106 Páginas - Editora Penalux - Lançamento: 2018.
O brasiliense Lourenço Dutra nos apresenta, nesta sua mais recente antologia de contos, uma reflexão sobre algumas questões contemporâneas muito próximas do nosso cotidiano, provocadas pela convivência constante nas redes sociais e utilização indiscriminada dos demais aplicativos e dispositivos digitais. Qual será o efeito deste comportamento compulsivo nas relações humanas em um longo prazo?

O fato é que hoje existimos em um ambiente virtual no qual o exercício da individualidade é cada vez mais presente e a polarização ideológica se transforma facilmente em  fanatismo, seja no campo político ou religioso. Neste contexto, o patrulhamento sobre o que pode ser considerado politicamente correto ou incorreto e a enxurrada de informações irrelevantes, sejam elas falsas ou verdadeiras, ocupa o lugar da própria formação dos indivíduos. Justamente o vácuo entre formação e informação é o que parece inspira…

Aline Bei - O Peso do Pássaro Morto

Imagem
Aline Bei - O Peso do Pássaro Morto - Coedição das Editoras Nós  e Edith - 168 Páginas - Lançamento: 06/10/2017.
Gostei muito do livro de estreia da paulistana Aline Bei, "O Peso do Pássaro Morto", um romance-poema em forma de diário, se é que podemos chamar assim, por falta de definição melhor, e que incorpora elementos de prosa e poesia na sua construção, mas não se enquadra com facilidade em nenhuma das duas categorias. 

Ao utilizar o efeito da distribuição das palavras na página impressa, a autora obtém um inusitado elemento de ritmo narrativo. Uma técnica que guarda algumas semelhanças com o trabalho de Matilde Campilho, no entanto surpreende aqui ao extrapolar o formato tradicional do poema e assumir a condução completa do romance. O livro foi o vencedor do prêmio Toca de Literatura, organizado pela oficina de criação literária de Marcelino Freire e lançado no ano passado em coedição pelas Editoras Nós e Edith, uma excelente oportunidade para autores inéditos.

seu Luís é …

As 20 obras mais importantes da literatura russa

Imagem
Sabemos que uma lista é somente uma lista. Contudo, nunca um esforço foi tão destinado ao insucesso quanto este de preparar uma relação com apenas vinte obras representativas da literatura russa. Obviamente Tolstói teria que entrar em qualquer seleção deste tipo, mas como escolher apenas um entre tantos clássicos do autor, ficamos com uma antologia de contos, "Anna Kariênina" ou "Guerra e Paz"? O mesmo impasse para Dostoiévski e outros citados aqui. De qualquer forma, tentei utilizar o critério de me limitar aos livros já publicados no Brasil, alguns, infelizmente, já não se encontram disponíveis no mercado, como as edições da extinta Cosac Naify.

Não poderia faltar um destaque para o incansável trabalho da Editora 34 na divulgação da literatura russa e também para o saudoso mestre Boris Schnaiderman (1917-2016) que foi pioneiro no esforço de tradução direta do idioma russo no Brasil, nos salvando das famigeradas traduções indiretas a partir do francês e inglês. Se …
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...