Postagens

Mostrando postagens de 2018

Quem diria, 2018 foi o ano da poesia no Brasil

Imagem
2018 acabou sendo o ano da poesia no Brasil, com prêmios importantes que refletiram uma produção consistente, principalmente pela atuação das editoras independentes e mesmo autores independentes, como foi o caso de Mailson Furtado que levou o prêmio Jabuti de livro do ano. O que dizer, quando até a prosa andou flertando com a linguagem poética no elogiado livro de estreia de Aline Bei. Segue uma seleção em ordem cronológica dos destaques nesta categoria, publicados no Mundo de K em 2018. Clique nos links para ler os textos completos.


Aline Bei - O Peso do Pássaro Morto Resenha publicada em 18/03/2018

Livro vencedor do Prêmio São Paulo de Literatura 2018, categoria autor estreante. Ao utilizar o efeito da distribuição das palavras na página impressa, a autora obtém um inusitado elemento de ritmo narrativo. Uma técnica que guarda algumas semelhanças com o trabalho de Matilde Campilho, no entanto surpreende aqui ao extrapolar o formato tradicional do poema e assumir a condução completa do r…

Caixa comemorativa – Vinte anos do Nobel de José Saramago

Imagem
Caixa comemorativa – Vinte anos do Nobel de José Saramago - Editora Companhia das Letras - 488 Páginas - Capa e projeto gráfico: Claudia Espínola de Carvalho - Lançamento: 19/12/2018.
Em comemoração aos 20 anos do Prêmio Nobel de Literatura para José Saramago, a Companhia das Letras lançou uma caixa comemorativa composta por dois livros: O diário inédito do autor (Cadernos de Lanzarote VI), escrito durante o ano em que receberia o Nobel de literatura, 1998, e o livro do jornalista Ricardo Viel (Um país levantado em alegria), também uma espécie de diário, mas neste caso de cunho jornalístico, sobre os bastidores da premiação e as repercussões em Portugal e no mundo.

Os livros se complementam porque justamente nos dias que sucederam à notícia de que José Saramago era o primeiro (e até hoje único) autor em língua portuguesa a ser agraciado com o Nobel de Literatura, desde a sua criação em 1901, a avalanche de compromissos, entrevistas e outras solicitações, fizeram com que, neste período, …

Carlos Machado - Esquina da minha rua

Imagem
Carlos Machado - Esquina da minha rua - Editora 7Letras - 88 Páginas - Lançamento: 09/11/2018.
Carlos Machado escreve duas narrativas paralelas, intercaladas em cada capítulo, que correspondem às vozes de personagens com trajetórias de vida bem diferentes e que, contudo, estão ligadas a um passado comum. Partindo de uma Curitiba literária, que tem Dalton Trevisan como maior referência, o autor cita as cidades invisíveis de Ítalo Calvino e outros escritores que habitaram também cidades criadas pela ficção como Fernando Pessoa, Antonio Tabucchi e Mario Benedetti, criando um texto de muita sensibilidade que trabalha com a memória e a solidão dos seus dois protagonistas.
Pedro é músico e escritor, cidadão do mundo, que leva a sua cidade na memória para todos os cantos, envolvido com as suas composições e a gravação do último disco, ele reflete sobre o processo criativo e suas lembranças. Ela, protagonista sem nome, leva uma vida simples e só conhece a esquina da própria rua, escrevendo cart…

Haruki Murakami - O assassinato do comendador - Vol. 1

Imagem
Haruki Murakami - O assassinato do comendador - Vol. 1 - O surgimento da IDEA - Editora Alfaguara - 360 Páginas - Tradução: Rita Kohl - Capa: Alceu Chiesorin Nunes - Lançamento: 23/11/2018.

Os leitores de Haruki Murakami certamente não irão se decepcionar com este seu novo romance que volta a abordar temas recorrentes de obras anteriores, tais como a solidão e inadaptação dos personagens à rigidez de costumes da sociedade japonesa, mundos paralelos repletos de fantasia e mistério que se chocam com a realidade e a já tradicional habilidade do autor em mesclar, com muito bom gosto, diga-se de passagem, referências culturais (principalmente música e literatura) do ocidente e oriente, fazendo de seus livros, a cada novo lançamento, um fenômeno de vendas em todo o mundo, inclusive no Brasil.

Murakami levou quatro anos para terminar este livro, depois de seu último romance, O incolor Tsukuro Tazaki e seus anos de peregrinação. A estratégia de marketing da editora no Japão manteve o conteúdo e…

As melhores listas de livros de 2018 em um só lugar!

Imagem
Quem consegue acompanhar a totalidade das listas de melhores livros do ano no Brasil e no mundo? São tantas as publicações que simplesmente ficamos perdidos. Aqui você vai encontrar um resumo do que encontrei de melhor sobre 2018 (até mesmo dos anos anteriores, quando disponível) e assim guardar para ler com calma, de preferência antes do próximo ano! Leitores compulsivos ou pessoas normais precisando escolher um bom presente de final de ano, sigam os links e aproveitem a lista das listas em um só lugar, uma postagem de utilidade pública!
A impressionante colagem de capas que abre esta postagem é representação da lista da National Public Radio (NPR), com mais de trezentos títulos em categorias que podem ser filtradas e até mesmo combinadas de forma inteligente, tais como: biografia e memórias, livros de culinária, poesias e contos, para amantes da música, infantis, ficção científica e fantasia e muitos outros. Neste site especial da NPR, chamado de NPR’s Book Concierge, você encontrará…

Mauro Paz - Entre Lembrar e Esquecer

Imagem
Mauro Paz - Entre Lembrar e Esquecer - Editora Patuá - 110 Páginas - Capa, projeto gráfico e diagramação: Rodrigo Sommer - Lançamento: 2017.

Em abril de 2013, Eduardo Vinícius Fösch dos Santos, 17 anos, se despediu dos pais, da irmã e partiu para uma festa em um condomínio de luxo da zona sul de Porto Alegre, na qual era o único convidado negro. Ele nunca mais voltou. Eduardo foi encontrado no dia seguinte, no pátio de uma casa vizinha, quase inconsciente e levado ao hospital onde, depois de nove dias internado, não resistiu aos efeitos das lesões recebidas durante a festa. Na época, a Polícia Civil concluiu o apressado inquérito como acidente, Eduardo teria caído sozinho de um muro que separa as duas casas. No entanto, a família do jovem surfista e skatista não se conformou e procurou um perito particular, fazendo com que o caso fosse reaberto com a conclusão óbvia do Ministério Público, Eduardo foi assassinado.

Esse caso real motivou Mauro Paz a escrever o romance Entre Lembrar e Esq…

Os melhores livros e resenhas de 2018

Imagem
Mais uma vez é chegado o momento das listas de final de ano. Esta não reflete somente os lançamentos de 2018, mas também as melhores resenhas de livros publicadas em ordem cronológica, como sempre com base apenas no meu gosto — sigam os links clicando no título dos livros para ler as resenhas completas. Desejo a todos um ótimo 2019 com muita literatura, cultura e arte em geral. Conto com a presença de vocês no Mundo de K!


(01) Silviano Santiago - Machado
(resenha publicada em 01/01/2018)

O romance brasileiro mais premiado de 2017, tendo vencido o Jabuti nesta categoria, eleito como livro do ano de ficção pela organização e ainda levado o segundo lugar do Prêmio Oceanos, "Machado" não é exatamente — ou somente — um romance, embora contenha elementos de ficção. Pode ser classificado como um ensaio de crítica literária, biografia ou até mesmo estudo de pesquisa histórica. É bom que se diga que, em qualquer dessas categorias, é um livro que reflete a erudição do professor Silvian…
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...