Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2021

Daniel Galera - O deus das avencas: Três novelas

Imagem
Daniel Galera - O deus das avencas: Três novelas - Editora Companhia das Letras - 248 Páginas Capa: Alceu Chiesorin Nunes - Imagem de capa: Protea , de Allison Schulnik, 2012 - Lançamento: 2021 O mais recente lançamento de Daniel Galera é o resultado de um raro exercício de composição ficcional ao mesclar diferentes gêneros literários  em cada uma das três novelas que compõem o livro; iniciando com o  realismo contemporâneo (passado recente) em   "O deus das avencas", utilizando a ficção científica em "Tóquio" (futuro próximo) até chegar na distopia francamente pós-apocalíptica de "Bugônia" (futuro distante).  Contudo, todas as narrativas têm como ponto comum a frágil relação humana com seus próprios semelhantes e o meio ambiente, ficando muito evidente para ser ignorado os efeitos negativos do  entorno político atual, assim como as possíveis consequências de nossas decisões para o futuro do planeta. Esta obra me lembrou do recente ensaio de Julián Fuks (

Eduardo Sabino - Limbo

Imagem
Eduardo Sabino - Limbo - Editora Caos e Letras - 260 Páginas - Projeto Gráfico: Cristiano Silva  Arte de Capa: Eduardo Sabino - Lançamento: 2021 Na definição original da Igreja Católica, o limbo seria um lugar fora dos limites do céu para onde iriam as crianças que morrem sem terem sido batizadas (uma visão que foi abolida pelo Vaticano em 2007). Logo, um espaço às margens de Deus, daí a etimologia da palavra em latim, "limbus", que significa margem, beira, borda, orla. O substantivo é muito utilizado para expressar, em sentido figurado, um lugar onde são deixadas coisas sem uso e esquecidas. Eduardo Sabino decidiu publicar esta antologia de contos – escritos entre 2009 e 2019 – que aguardavam a oportunidade de virem a público em uma espécie de limbo particular. O livro é dividido em seis partes temáticas: "TIpos Humanos" , "Contos de Flanagem" , "Tributos" , "Novas Sociedades" , "Bíblicos" e "Mitos de Origem" , dem

Julián Fuks - Romance: História de uma ideia

Imagem
Julián Fuks - Romance: História de uma ideia - Editora Companhia das Letras - 229 Páginas - Capa: Bloco Gráfico - Imagem de Capa: Sem título, de David Galasse, 2019, risografia - Lançamento: 2021. Julián Fuks nos demonstra com este seu mais recente lançamento como as atividades de romancista e crítico literário não são incompatíveis.  O livro tem como base a tese de Doutorado em Letras do autor na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP, referente à cadeira de Teoria Literária e Literatura Comparada. A origem da obra poderia, portanto, induzir à percepção de que se trata de um texto exclusivamente acadêmico, afastando os leitores comuns. No entanto,  sem prejuízo do conteúdo teórico, este ensaio certamente agradará ao público leitor de romances e de publicações da área de ficção em geral. Na difícil tentativa de explicar a ideia do romance, um conceito francamente abstrato, ao longo de uma trajetória de quatro séculos, Julián Fuks parte de uma antidefinição: "Para

Vladimir Nabokov - Ada ou Ardor: Crônica de uma família

Imagem
Vladimir Nabokov - Ada ou Ardor: Crônica de uma família - Editora Alfaguara - 608 Páginas - Tradução de Jorio Dauster - Posfácio de Brian Boyd - Capa: Violaine Cadinot - Foto de Capa: Mary Jane Ansell - Lançamento: 2021. Vladimir Nabokov (1899-1977) é um autor que soube como poucos tangenciar o perigoso limite entre a literatura e a perversão, se é que tal limite existe de fato. Lolita , lançado em 1955, é o seu romance mais conhecido e também controverso ao descrever a paixão doentia de um professor universitário de meia-idade por sua enteada de 12 anos, com quem se envolve sexualmente. Ada ou Ardor , publicado originalmente em 1969 e também escrito em inglês, é um romance bem mais ambicioso e complexo do ponto de vista literário, contudo volta a abordar de forma explícita os temas de pedofilia e incesto. Ivan Veen (Van) e Adelaida (Ada) vivem uma história de amor nada convencional desde quando eram crianças,  ele com 14 e ela com 12 anos,  acreditando que eram primos (os seu pais, De

George Alex Andrade - Detox

Imagem
George Alex Andrade - Detox - Volume 1 da série Peripécias Peripatéticas - Editora Chiado - 694 Páginas - Capa: George Alex Andrade - Composição gráfica: António Afonso - Lançamento: 2021. Na Clínica Büngzli, localizada nas proximidades de Lucerna na Suíça, um método de desmemoriação ou desintoxicação autobiográfica, permite aos pacientes se livrarem de suas memórias tóxicas em questão de horas ou dias. Segundo o Dr. Carl, idealizador do processo, a população mundial se tornou dependente da tecnologia e dos psicotrópicos utilizados para todas as finalidades, submetendo-se ao domínio do mundo virtual com a popularizaçao das mídias sociais, fato que provocou uma verdadeira "onda tecnológica zumbificante", inibindo a capacidade de reflexão própria das pessoas e transformando-as em mortos-vivos. Logo, para reconstituir a liberdade do pensamento, é necessária uma intervenção purificadora pelo tratamento de desmemoriação, resumido no seguinte lema:  "Somente ao esquecer é que