Finalistas Portugal Telecom e Jabuti 2010

Prêmios Literários
Esta semana foram divulgados os 10 finalistas dos prêmios Portugal Telecom e Jabuti. Para a 8° edição do prêmio Portugal Telecom de literatura em língua portuguesa, constata-se que a editora Companhia das Letras ocupou seis posições dos dez finalistas, incluindo os dois únicos romances de escritores não brasileiros: Caim do português José Saramago e Avódezanove do angolano Ondjaki. Os três livros vencedores serão divulgados no dia 8 de novembro com direito à maior premiação literária brasileira no valor de R$ 100 mil para o primeiro colocado, R$ 35 mil ao segundo e R$ 15 mil ao terceiro.

Finalistas do Prêmio Portugal Telecom 2010
Pornopopéia, de Reinaldo Moraes (Cia das Letras)
Outra Vida, de Rodrigo Lacerda (Objetiva/Alfaguara)
Leite Derramado, de Chico Buarque de Holanda (Cia das Letras)
Lar, de Armando Freitas Filho (Cia das Letras)
Monodrama, de Carlito Azevedo (7 letras)
Filho da Mãe, de Bernardo Carvalho (Cia das Letras)
A passagem Tensa dos Corpos, de Carlos B. Mello (Cia das Letras)
Avódezanove e o segredo do soviético, de Ondjaki (Cia das Letras)
Caim, de José Saramago (Cia das Letras)
Olhos Secos, de Bernardo Ajzenberg (Rocco)

Já para a categoria romance da 52º edição do Prêmio Jabuti, o mais tradicional prêmio de literatura brasileirto, a divulgação do vencedor será feita no dia 1 de Outubro e a entrega do prêmio de R$ 3 mil no dia 4 de Novembro.

Finalistas do Prêmio Jabuti 2010
Se Eu Fechar Os Olhos Agora, de Edney Silvestre (Record)
Outra Vida, de Rodrigo Lacerda (Objetiva)
Leite Derramado, Chico Buarque de Holanda (Cia das Letras)
Os Espiões, Luis Fernando Verissimo (Objetiva)
Golpe de Ar, de Fabrício Corsaletti (Editora 34)
Sinuca Embaixo D’água, de Carol Bensimon (Cia das Letras)
O Albatroz Azul, de João Ubaldo Ribeiro (Nova Fronteira)
O Filho da Mãe, de Bernardo Carvalho (Cia das Letras)
A Passagem Tensa dos Corpos, de Carlos B. Mello (Cia das Letras)
O Boi no Café, de Sérgio Viotti (Editora Imeph)

Comparando os finalistas das duas premiações, verifica-se que cinco autores foram indicados nos dois prêmios: Chico Buarque de Holanda com "Leite Derramado", Carlos de Britto Mello com "A Passagem Tensa dos Corpos", Bernardo Carvalho com "O Filho da Mãe", Rodrigo Lacerda com "Outra Vida", entre os romances, além de "Lar", livro de poesia de Armando Freitas Filho.

Comentários

Gi Freire disse…
Tomara que Chico ganhe :), adorei o livro!
Alex disse…
Pensei que o Prêmio São Paulo de Literatura fosse a maior premiação literária brasileira. Mas em fim, ter outro prêmio com maior valor só enriquece a literatura nacional. Bom para os escritores, bom para o público. Em relação aos concorrentes são grandes nomes. Será uma escolha difícil. Tem alguma preferência, Kovacs?

Abraços.
Kovacs disse…
Gi, este ano a disputa está difícil, imprevisível msmo.
Kovacs disse…
Alex, dos três maiores prêmos atuais da literatura no Brasil, o São Paulo é o mais "jovem" seguido pelo Portugal Telecom, o mais "bem premiado", e finalizando com o mais tradicional Jabuti.

Este ano a disputa acabou ficando desproporcional com autores jovens competindo com nomes muito consagrados. Fica difícil definir uma preferência quando comparamos Saramago com João Ubaldo Ribeiro.
Gerana Damulakis disse…
Estou apostando no livro de Edney Silvestre. Até peguei nele hoje, mas acabei desistindo de comprar, não sei a razão, talvez a leitura das "orelhas".
Kovacs disse…
Gerana, o Edney Silvestre é uma boa aposta; não sei se o fato dele ter levado o "Melhor Livro do Ano de autor estreante" do Prêmio São Paulo ajuda ou atrapalha.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

As 20 obras mais importantes da literatura brasileira

As 20 obras mais importantes da literatura portuguesa

As 20 melhores distopias da literatura

20 grandes escritoras brasileiras

As 20 obras mais importantes da literatura italiana

As 20 obras mais importantes da literatura francesa