Roberto Ferri

Pintura

O trabalho do jovem artista italiano Roberto Ferri, nascido em 1978, é inspirado em mestres da pintura clássica  como Caravaggio e David, comprovando que o estilo barroco ainda tem lugar em nosso atormentado mundo contemporâneo, especialmente quando Ferri adiciona um toque de surrealismo e sensualidade em suas telas que exibem anjos e demônios, masculinos e femininos, em ousadas montagens cheias de contraste entre a pureza e a luxúria.

 Pintura

Comentários

Anônimo disse…
Kovacs, parabéns pelo seu blog, visito muito, comentar acho que só comentei uma vez e foi para fazer uma pergunta sobre literatura russa...

Agora também vim perguntar...

Você conhece a obra do escritor português Gonçalo M. Tavares? O que acha?

Fiquei curioso porque nos últimos tempos tenho encontrado o nome dele várias vezes, com muitos destaques e prémios. "Aprender a Rezar na Era da Técnica" recebeu o prémio de melhor livro estrangeiro publicado em França e 2010, e no globo li 3 obras dele entre os livros da década: "A Máquina de Joseph Walser", "Jerusálem" e o curioso "Uma Viagem à Índia". Curioso porque já li que era uma espécie de Os Lusíadas moderno, e também que lembrava Ulisses de James Joyce, o que deixa no mínimo uma certa curiosidade não é…
Às vezes se vê certo fenômenos estanhos na imprensa, em que escritores são levados no colo, mas como são destaques na França, aqui, e em outros países, fiquei curioso.

Você conhece? Ouviu falar? O que acha?

Cumprimentos,

Ricardo Assis
Kovacs disse…
Caro Ricardo, primeiramente obrigado pelas visitas e comentário. Gonçalo M. Tavares representa uma nova geração de escritores que, de certa forma, renovam a literatura em língua portuguesa. Nascido em Angola é muito conceituado pela crítica, uma espécie de escritor para escritores. Além dos livros que você citou ele criou uma série muito interessante chamada de "O bairro" em que cada volume é de um escritor: "O Senhor Valéry", "O Senhor Henri (Michaux)", "O Senhor Calvino", "O Senhor Brecht", entre outros.

Espero ler "Uma Viagem à Índia" em breve e escreverei resenha por aqui. Foi publicado um texto inédito dele no último número da revista "Pessoa" (ver postagem do Mundo de K em: http://mundodek.blogspot.com/2010/12/revista-pessoa-n-1.html).
myra disse…
sim finalmente tenho meu computer somente nao posso estar mto tempo sentada en frente dele, por causa de uma enorme dor nas costas, a unica coisa para que passe é ficar na cama sem fazer esforços e no calor. Nao sei se voce sabe, mas estamos todos agora aqui em Jerusalem faz ja, um mes. finalmente todos juntos, e qdo minha filha viajar vou ter alguem comigo 24 horas pqe ja nao posso esta vivendo so...a velhice é uma coisa horrivel...
beijos querido amigo,como sempre teu blog é formidavel, me fazias falta...
Kovacs disse…
Querida Myra, a velhice é uma expressão incompatível com o seu espírito de artista! Fico feliz e desejo uma rápida adaptação a mais esta etapa de sua rica e produtiva vida. Obrigado pela visita e comentário!
Lígia Guedes, disse…
Kovacs...gozado... arte só online?
Kovacs disse…
Lígia, on-line e off-line são expressões que incorporamos tão recentemente que é difícil de acreditar que houve uma época em que escrevíamos cartas e falávamos de telefones públicos.
Alex Zigar disse…
Não há dúvida sobre a qualidade e o talento deste artista, apesar de parecer muito Barroco e não inovar. Mas é preciso olhar de novo e lentamente para podermos perceber um estilo ousado. Afinal, ele corre o risco de fazer apenas uma cópia do passado. Porém nunca tivemos em tempos tão “Barrocos”. Temos tantas escolhas, mas ainda tememos o inferno. Mais uma vez um belo post, Kovacs.

Abraços.
Kovacs disse…
Alex, excelente a sua colocação afinal ainda tememos o inferno! :)
Cesar Morais disse…
Parabéns pelo blog!
Kovacs disse…
Cesar, obrigado pela visita e comentário.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

As 20 obras mais importantes da literatura brasileira

As 20 obras mais importantes da literatura portuguesa

20 grandes escritoras brasileiras

As 20 obras mais importantes da literatura dos Estados Unidos

As 20 obras mais importantes da literatura francesa

As 20 obras mais importantes da literatura italiana