Finalistas do Prêmio Jabuti 2018

Prêmios Literários
Finalistas do Premio Jabuti 2018, Categoria Romance

Divulgados os finalistas de cada uma das categorias da 60° edição do Prêmio Jabuti. Os primeiros colocados receberão o troféu Jabuti e um prêmio bruto no valor de R$ 5.000,00 (cinco mil reais). A premiação "Livro do Ano" será concedida à obra com a maior média atribuída pelo corpo de jurados com o prêmio em dinheiro no valor bruto de R$ 100 mil.

Este ano o mais tradicional prêmio literário do Brasil tem algumas novidades, a redução do número de categorias para um total de 18, que agora passarão a ser agrupadas em quatro eixos, uma nova categoria dedicada a ações de incentivo à leitura, inscrições diferenciadas para os autores independentes e mudança no valor dos prêmios.


Os quatro eixos são os seguintes: Literatura (romance, poesia, conto, crônica, infantil e juvenil, tradução e HQ), Ensaio (biografia, humanidades, ciências artes e economia criativa), Livro (projeto gráfico, capa, ilustração e impressão) e Inovação (formação de novos leitores e livro brasileiro publicado no exterior).

Os vencedores serão conhecidos no dia 8 de novembro. Abaixo os finalistas das categorias de romance, conto e poesia da edição 2018 do Prêmio Jabuti (clique aqui para conhecer os finalistas de todas as 18 categorias):

Romance

Acre – Lucrecia Zappi – Editora Todavia

Adeus, cavalo – Nuno Ramos – Editora Iluminuras
Machamba – Gisele Mirabai – Editora Nova Fronteira
Nigredo: estudos de morte e dulia – Joaquim Brasil Fontes – Editora Cultura e Barbárie
Noite dentro da noite – Joca Reiners Terron – Editora Companhia das Letras

O clube dos jardineiros de fumaça – Carol Bensimon – Editora Companhia das Letras
Oito do sete – Cristina Judar – Editora Reformatório
Pai, Pai – João Silvério Trevisan – Editora Companhia das Letras
Roupas sujas – Leonardo Brasiliense – Editora Companhia das Letras
Última Hora – José Almeida Júnior – Editora Record

Conto

A face serena – Maria Valéria Rezende – Editora Penalux

A oração do carrasco – Itamar Vieira Junior – Editora Mondrongo
As horas esquecidas – Chico Mendonça – Quixote+Do Editoras Associadas
Catálogo de Perdas – Juliana Monteiro Carrascoza e João Anzanello Carrascoza – SESI-SP
Da utilidade das coisas – Alexandre Arbex – Editora 7Letras
Dicionário de línguas imaginárias – Olavo Amaral – Editora Companhia das Letras
Enfim, Imperatriz – Maria Fernanda Elias Maglio – Editora Patuá
Não há amanhã – Gustavo Melo Czekster – Editora Zouk
Nina: Desvendando Chernobyl – Ariane Severo – Age Editora
Por onde anda a gata? – Lucrecia Zappi – Editora Todavia

Poesia

à cidade – Mailson Furtado Viana – Autor Independente 

À sombra do iluminado – Pollyanna Furtado Lima – Editora 7Letras
Câmera Lenta – Marília Garcia – Editora Companhia das Letras
Mecânica aplicada – Nuno Rau – Editora Patuá
Mugido [ou diário de uma doula] – Marília Floôr Kosby – Edições Garupa
Naharia – Guilherme Gontijo Flores – Kotter Editorial
O teatro do mundo – Catarina Lins – Editora 7Letras
QVASI: segundo caderno – Edimilson de Almeida Pereira – Editora 34
Ser quando – Samarone Marinho – Editora 7Letras
Vento do oitavo andar – Íris Cavalcante – Premius Editora
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

As 20 obras mais importantes da literatura brasileira

Nuno Rau - Mecânica Aplicada

Rita Balduino - O feito afaga o gesto

As 20 melhores distopias da literatura

As 20 obras mais importantes da literatura italiana

As 20 obras mais importantes da literatura portuguesa